Vacina Sputnik V recebe aprovação permanente na Rússia
prnewswire.com
Vacina Sputnik V recebe aprovação permanente na Rússia

MOSCOU, 4 de fevereiro de 2022 /PRNewswire/ -- O Fundo Russo de Investimento Direto (RDIF, fundo soberano da Rússia) anuncia que a vacina russa Sputnik V contra o coronavírus recebeu aprovação permanente total do Ministério da Saúde da Rússia. Anteriormente, havia recebido autorização temporária de uso emergencial (EUA) do regulador russo.

A Sputnik V foi autorizada em 11 de agosto de 2020, tornando-se a primeira vacina  do mundo contra o COVID-19 a receber autorização de uso emergencial.  A Sputnik V já foi autorizada em 71 países, com uma população total de mais de 4 bilhões de pessoas. Sua versão de dose única, Sputnik Light, foi autorizada em mais de 30 países, tanto como uma vacina autônoma, quanto como um reforço universal para outras vacinas.

Sputnik V e Sputnik Light são baseadas em uma plataforma de vetores humanos seguros e eficazes e não foram associadas a raros eventos adversos graves após a vacinação, como miocardite ou pericardite.  A maior segurança e efetividade da Sputnik V e da Sputnik Light foi demonstrada em mais de 30 estudos e dados do mundo real de mais de 60 países.

Um estudo único do Instituto Nacional de Doenças Infecciosas [1] Lazzaro Spallanzani, na Itália, por uma equipe de 12 cientistas italianos e 9 russos liderados por Francesco Vaia , diretor do Instituto Spallanzani e Alexander Gintsburg, diretor do Centro Gamaleya, mostrou que a vacina Sputnik V demonstra mais de 2 vezes mais títulos de anticorpos neutralizantes do vírus para a variante ômicron (B.1.1.529) do que 2 doses da vacina Pfizer (2,1 vezes maior no total e 2,6 vezes maior 3 meses após a vacinação).

O estudo foi realizado em condições laboratoriais iguais em amostras de soro comparáveis de indivíduos vacinados com Sputnik V e Pfizer com nível semelhante de anticorpos IgG e atividade neutralizante do virus contra a variante wuhan. A Sputnik V mostrou redução significativamente menor (2,6 vezes) da atividade neutralizante do vírus contra a ômicron em comparação com a variante wuhan em comparação com a vacina da Pfizer (redução de 8,1 vezes para Sputnik V em contraste com a redução de 21,4 vezes para a vacina Pfizer).

Com base nos dados coletados pelo Instituto Spallanzani e nos resultados de estudos anteriores, o reforço heterólogo ("mix & match") com a Sputnik Light é a melhor solução para aumentar a eficácia de outras vacinas e estender o período de proteção das doses de reforço, devido à configuração ideal da plataforma adenoviral, que fornece melhor proteção contra a ômicron e outras mutações.

Um estudo preliminar do Centro Gamaleya descobriu que a Sputnik Light como um reforço aumenta significativamente a atividade neutralizante do vírus contra a ômicron, que é comparável aos títulos observados após a Sputnik V contra o vírus do tipo selvagem, associado a altos níveis de proteção.

Sputnik Light é baseada no sorotipo humano recombinante número 26 (o primeiro componente da Sputnik V).  O regime de vacinação de dose única da Sputnik Light fornece facilidade de administração e ajuda a aumentar a eficácia e a duração de outras vacinas quando usada como vacina de reforço.

Estudos clínicos e dados do mundo real em muitos países demonstraram que a Sputnik Light é uma vacina segura e eficaz quando usada tanto em uma base autônoma quanto como um reforço.

Leia Também

Um estudo na Argentina sobre regimes heterólogos que combinam Sputnik Light e vacinas produzidas pela AstraZeneca, Sinopharm, Moderna e Cansino demonstrou que a combinação de "coquetel de vacina" com a Sputnik Light forneceu maior titulação de anticorpos no 14º dia após a administração da segunda dose em relação aos regimes originais homólogos (mesma vacina da primeira e segunda dose) de cada uma das vacinas.

[1]  https://www.medrxiv.org/content/10.1101/2022.01.15.22269335v1

Logotipo - https://mma.prnewswire.com/media/1698158/Russian_Direct_Invest_Fund_Logo.jpg

FONTE The Russian Direct Invest Fund (RDIF)

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários