Aumento dos casos de Covid impulsiona a busca por teleatendimentos em saúde mental
prnewswire.com
Aumento dos casos de Covid impulsiona a busca por teleatendimentos em saúde mental

SÃO PAULO, 3 de fevereiro de 2022 /PRNewswire/ -- O aumento dos casos de Covid causado pela nova variante Ômicron está levando cada vez mais pessoas a utilizar o serviço de teleatendimento em saúde mental, que é a consulta online através da tela de um celular ou computador por um psiquiatra ou psicólogo.

Apesar de ser um conceito relativamente novo, oito em cada dez pacientes tem optado por esse modelo de atendimento no formato digital. Sem a necessidade de realizar qualquer tipo de exame, aliada a segurança e comodidade que uma consulta por vídeo pode oferecer, vários pacientes migraram automaticamente do presencial para o online.

De acordo com o Dr. Marcelo Amarante , médico psiquiatra que atende pacientes através da startup de saúde DOC24 , existem causas específicas para este aumento da demanda que vão muito além da necessidade de distanciamento social para evitar a propagação da pandemia.

"Podemos destacar também a ação direta do vírus da Covid no sistema nervoso central; as experiências traumáticas associadas à infecção ou à morte de pessoas próximas; o estresse induzido pela mudança na rotina pessoal; a angústia relacionada às mudanças na forma de trabalhar ou nas relações afetivas; e o convívio prolongado dentro de casa, que aumentou o risco de desajustes na dinâmica familiar".

Além disso, o especialista acredita também que o começo do ano é mais propício para o crescimento dessa demanda. "Um dos motivos é que esse período representa a renovação de esperanças e novos projetos na vida das pessoas. Outro fator é que muitas pessoas passam pela melancolia de fim de ano", explica.

Para o Dr. Marcelo Amarante , o que leva uma pessoa a buscar ajuda profissional é algo muito particular, já que cada um vive e interpreta experiências a seu próprio modo. "No entanto, o principal sinal de alerta é quando percebemos que, por algum motivo, não estamos nos sentindo bem. As vezes somos consumidos por estresse, tristeza, dificuldade nas relações interpessoais e desânimo".

Leia Também

Por fim, o psquiatra destaca que a psicoterapia e a acompanhamento médico podem ajudar o indivíduo a se sentir melhor e a descobrir como lidar com suas dificuldades emocionais. "Procurar auxílio psiquiátrico ou psicológico é o primeiro passo a ser dado e é lícito dizer que o teleatendimento pode ser um importante aliado nesse sentido porque vêm democratizando o acesso à saúde mental".

Foto - https://mma.prnewswire.com/media/1739331/Telemedicina_2.jpg

FONTE DOC24

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários