Custo total projetado para compliance contra crimes financeiros de empresas brasileiras é US$ 4,2 bilhões em 2021
prnewswire.com
Custo total projetado para compliance contra crimes financeiros de empresas brasileiras é US$ 4,2 bilhões em 2021

Estudo sobre "O Real Custo do  Compliance Contra Crimes Financeiros" da LexisNexis® Risk Solutions para a América Latina aponta que os serviços de contabilidade e jurídicos, de varejo e serviços imobiliários são os principais setores no Brasil com custos mais altos.

SÃO PAULO, 13 de Dezembro de 2021 /PRNewswire/ -- A LexisNexis® Risk Solutions anuncia os resultados de seu Estudo sobre - O Real Custo do Compliance contra Crimes Financeiros para a América Latina, que entrevistou 260 tomadores de decisão responsáveis por supervisionar processos, sanções e monitoramento de transações relativas ao conhecimento do cliente (da sigla em inglês KYC - Know Your Customer) e/ou operações de compliance. Dentre os respondentes da pesquisa estão tomadores de decisão na função contra crimes financeiros que supervisionam remediação para KYC, monitoramento de sanções, monitoramento de transações de crimes financeiros e/ou operações de compliance na América Latina. No Brasil, 51 empresas financeiras foram entrevistadas para este estudo.

O custo total projetado em 2021 para compliance contra crimes financeiros por empresas da América Latina, que participaram do estudo é de US$ 6,96 bilhões. O custo projetado para o Brasil é de US$ 4,2 bilhões em 2021, um aumento de US$ 268 milhões desde 2020. Os principais setores no Brasil que apresentam o maior risco de lavagem de dinheiro são: áreas jurídica/contábil (76%); de varejo (70%); além de e-commerce e serviços imobiliários (ambos com 52%). Outros destaques do estudo incluem:

  • Os gastos com mão de obra representam maiores custos do que com tecnologia  – O custo médio anual de compliance contra crimes financeiros entre as grandes empresas latino-americanas pesquisadas, deve aumentar entre 14,2% e 25,8% em 2021, dependendo do país, com os custos mais altos na Colômbia e no Chile . A mão de obra é responsável por custos ligeiramente mais elevados na América Latina do que as despesas com tecnologia. No Brasil, a mão de obra foi responsável por 56% dos custos em 2020, enquanto em 2019 era de 49%. Os gastos com tecnologia foram em média de 39% em 2021, em comparação com 42% em 2019 para todas as empresas pesquisadas. Aproximadamente 72% das empresas brasileiras indicam um aumento na equipe de operações de compliance, com 73% apontando para aumento da carga de trabalho devido ao crescimento de transações de crimes financeiros.
  • Os efeitos persistentes da pandemia – A pandemia continua impactando negativamente as operações e os custos de compliance, especialmente para o perfil de risco do cliente e a gestão de eficiência de recursos, resultando no adiamento da integração e na redução da produtividade. As grandes instituições brasileiras (54% em 2021, em comparação com 47% em 2020) têm enfrentado mais desafios diante do aumento do volume de alertas e transações suspeitas.
  • Produtividade impactada negativamente – Os desafios do compliance continuam tendo um impacto negativo na produtividade dos funcionários em tempo integral para 67% das empresas financeiras brasileiras, que participaram do estudo da LexisNexis® Risk Solutions. O mesmo percentual (67%) dos entrevistados no Brasil também indicam um impacto negativo na aquisição de clientes.
  • Rápida evolução digital conduzindo os custos – Os crimes financeiros envolvendo pagamentos digitais e criptomoedas estão crescendo. Quarenta e quatro por cento das empresas financeiras brasileiras indicam que o crime financeiro envolvendo pagamentos digitais está entre os principais crimes financeiros, que afetaram o custo de compliance contra crimes financeiros nos últimos 12 meses. As novas transações digitais e regulamentações de criptomoedas elevam a pressão e causam maior aumento na contratação de mão de obra e de tecnologia nos programas de compliance.
  • Tecnologia reduz os custos gerais de compliance – As instituições financeiras que investiram em recursos de tecnologia são menos afetadas pelos crescentes custos e pelos desafios da evolução do crime financeiro - especialmente os crimes associados a pagamentos digitais e criptomoedas. Entre as grandes instituições financeiras da América Latina, aqueles que usam tecnologia, observou-se um impacto negativo de 41% em sua capacidade de combater crimes envolvendo os pagamentos digitais, em comparação com 66% para aqueles que não usam tecnologia fornecida por terceiros.

"A transformação digital é um divisor de águas para as operações de compliance contra crimes financeiros. Os profissionais de risco devem adotar uma abordagem de solução em múltiplas camadas e mais sofisticada para mitigar os riscos, e garantir o compliance", destaca Adrián Sánchez, Diretor de Compliance contra Crimes Financeiros para a América Latina e o Caribe da LexisNexis® Risk Solutions. "Há métodos mais recentes de transação, que requerem mais informações sobre os comportamentos digitais existentes em um canal online anônimo. A solução requer o uso de tecnologia capaz de detectar padrões e anomalias, que mesmo o olho humano mais bem treinado possa passar despercebido. Dados mais robustos podem revelar as relações ocultas entre entidades e indivíduos, seja para detectar o tráfego ou os proprietários beneficiários finais".

Leia o  estudo sobre O Real  Custo do Compliance contra Crimes Financeiros  da LexisNexis® Risk Solutions, para obter mais informações sobre o custo de compliance na América Latina 2021.

Metodologia

A LexisNexis® Risk Solutions contratou a KS&R, uma empresa de pesquisa de mercado global, para conduzir este estudo que considerou descobertas de 260 tomadores de decisão de pequenas, médias e grandes organizações, os quais representam bancos, empresas de investimento e de gestão de ativos e seguros. As entrevistas foram realizadas na América Latina, durante os meses de julho e agosto de 2021, incluindo cinco países latino-americanos: Brasil, Chile , Colômbia, México e Panamá.

Leia Também

Sobre a LexisNexis® Risk Solutions

A LexisNexis® Risk Solutions utiliza o poder dos dados e análises avançadas para fornecer percepções, que ajudam as empresas e entidades governamentais a reduzir riscos, e a melhorar suas decisões para beneficiar as pessoas em todo o mundo. Fornecemos soluções de dados e tecnologia para uma ampla gama de setores, incluindo os de seguros, serviços financeiros, saúde e governo. Com sede na área metropolitana de Atlanta , Geórgia e EE.UU, temos escritórios ao redor do mundo e fazemos parte da RELX (LSE: REL/NYSE: RELX), um provedor global de análises baseadas em informações e ferramentas de decisão para profissionais e clientes corporativos. Para obter mais informações, visite  www.risk.lexisnexis.com  e  www.relx.com

###

Media Contact:

Marketcross
Claudia Lima 
[email protected]
+55 19 99779-0040

Logo -  https://mma.prnewswire.com/media/494562/LexisNexis_Risk_Solutions_Logo.jpg

FONTE LexisNexis Risk Solutions

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários