Crédito e Inadimplência: Pronampe impulsiona crescimento do crédito direcionado às empresas
prnewswire.com
Crédito e Inadimplência: Pronampe impulsiona crescimento do crédito direcionado às empresas

SÃO PAULO , 31 de agosto de 2021 /PRNewswire/ -- De acordo com os dados divulgados pelo Banco Central no dia 27/08, o saldo total das operações de crédito do Sistema Financeiro Nacional referente ao mês de julho de 2021 avançou 1,2% em relação ao mês anterior, sexto crescimento consecutivo nesta base de comparação, somando R$ 4,27 trilhões. Desta forma, o ritmo de expansão destas operações no acumulado dos últimos 12 meses manteve-se elevado, com avanço de 16,2%.

Destaque para as operações destinadas às pessoas jurídicas, que cresceram 0,8% no mês de julho de 2021, impulsionada pela modalidade com recursos direcionados (1,9%) registrando a primeira alta após três meses de quedas mensais, e positivamente influenciada pela reedição do Pronampe. Já as operações com recursos livres para as empresas permaneceram praticamente estáveis no período (0,1%), favorecidas pela reabertura da economia em meio ao avanço da vacinação, e pelo financiamento para aquisição de veículos, capital de giro com prazo até 365 dias, antecipação de faturas de cartão de crédito e financiamento de outros bens. No acumulado nos últimos 12 meses, porém, ambas as modalidades seguem em ritmo de expansão anual elevado, 13,1% e 14,6% em recursos livres e direcionados, respectivamente.

No que diz respeito às pessoas físicas, o resultado mensal (1,5%) foi impulsionado pelo crescimento em ambos os recursos. Desta forma, o saldo total das operações de crédito para as famílias com recursos livres cresceu 1,6% no mês e 20,1% em 12 meses, beneficiada pela reabertura gradual da economia, o que favorece a busca por linhas ligadas ao consumo e ao cartão de crédito à vista, crédito pessoal consignado público e para aposentados e pensionistas do INSS, além do crédito pessoal não consignado. Quanto ao saldo das operações de crédito com recursos direcionados para pessoas físicas, este cresceu 1,4% entre junho e julho deste ano, 35ª alta consecutiva nesta base de comparação, e variação acumulada em 12 meses igual a 16,0%, liderado pelo bom desempenho do crédito imobiliário e rural.

Os resultados descritos anteriormente mostram a demanda por crédito segue em forte ritmo de expansão, em linha com a retomada da atividade econômica em meio ao avanço da imunização e controle dos casos de Covid-19. A tendência de reabertura cada vez mais definitiva das atividades afetadas pelo contexto de isolamento social a partir deste segundo semestre mantém a expectativa positiva quando ao crescimento no saldo das operações de crédito do país em 2021.

Contato:

Você viu?

Osmar Sanches
[email protected]
Phone: +55 11 99847-1403

Analista Responsável : Fernanda Rodrigues .

Foto - https://mma.prnewswire.com/media/1605651/credito.jpg

FONTE Lafis

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários