O distanciamento social tem causado problemas nas vendas em diversos setores da economia. Em compensação, empresas têm transformado a quarentena para combate ao Coronavírus em novas oportunidades de negócio. A Mercattum, startup de Pato Branco, sudoeste do Paraná, que trabalha com soluções para o varejo, antecipou o lançamento de um novo produto e, em cerca de 20 dias, viu o número de pedidos crescer 300%.

supermercado
shutterstock
supermercado

Giovanni Christian Debona e Lucas Messias, fundadores da startup , contam que o foco da empresa sempre esteve em atrair, com benefícios, os consumidores para supermercados e lojas.

“Já tínhamos planos de oferecer uma plataforma de e-commerce. Com a quarentena, decidimos acelerar o desenvolvimento do produto, que levou cerca de 20 dias”, conta Lucas.

Giovanni detalha que a plataforma funciona na internet e que o diferencial é a personalização para supermercadistas. O novo produto atraiu a atenção de interessados que não eram clientes da Mercattum.

“Recebemos, ao menos, uma solicitação diferente por dia, de representantes de supermercados. A maioria de fora do Paraná, um aumento de 300% nesse período”, relata Giovanni.

*Com informações da Agência Sebrae

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários