Quem está pensando em trocar de celular é o perfil de público que a Xiaomi, que cresce exponencialmente no Brasil, está preparada para atacar. A empresa, que oferece celulares de alto padrão por preços bem mais competitivos do que a concorrência, quer fisgar novos consumidores com aparelhos mais sofisticados do que os preços deles sugerem. 

É justamente a essa motivação por trás e preços como o do Redmi 9a que ainda conta com 5% de abatimento em seu valor sugerido na loja virtual da Amazon. O smartphone, na cor azul, tem capacidade de armazenamento de 32GB, 4 câmeras traseiras e uma frontal, tela de 6,5" e memória RAM de 3GB. 

Aparelhos de concorrentes como Motorola e Samsung com essas especifidades estão todos acima dos R$ 1.000.

undefined

Redmi 9a

Carregador rápido de 18W na caixa de 10W

por

Xiaomi

R$ 829,12

*O iG pode ganhar comissão sobre as vendas originadas a partir deste artigo

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários